11 meses após, a edilidade honra o compromisso assumido no período eleitoral, atendendo assim a principal reivindicação dos moradores que era ver a localidade e todas as casas ligadas à energia elétrica. Compromisso assumido e honrado e a localidade de Garçote tem agora energia elétrica e água 24h por dia, uma vez que com a energia, o processo de bombagem vai ser automático e menos custoso.

Satisfeito por garantir melhor qualidade de vida à população de Garçote, o Presidente Herménio Fernandes, agradeceu ao Governo de Cabo Verde, por mais este grande investimento no município de São Miguel que vai mudar a vida de centenas de pessoas de uma das zonas mais distantes do concelho.

O primeiro-ministro que presidiu o ato, não escondeu a sua satisfação em ver a felicidade das pessoas que o acolhiam maravilhadas com energia nas suas casas e nas ruas. Sublinhou que é prioridade do Governo elevar a qualidade do serviço público de eletricidade em Cabo Verde e aumentar a taxa global de acesso à eletricidade.

A eletrificação desta comunidade foi financiada no âmbito do “Projeto 6 Ilhas”, um programa que aposta em políticas públicas visando expandir, interligar e melhorar a rede de transporte em todo o país, e elevar a taxa de penetração da energia elétrica, bem como melhorar a eficiência e a qualidade energética.

Depois desta sexta-feira, 21, Garçote já não é a mesma localidade.